Não deixe a halitose te pegar

02 out

Não deixe a halitose te pegar

Apesar de ser usada em muitas piadas, a Halitose, ou simplesmente mau hálito, não é brincadeira. Você sabia que o problema atinge aproximadamente 60 milhões de brasileiros, segundo à Associação Brasileira de Halitose (ABHA)? 

As origens do mau hálito podem ser bucais ou extra-bucais, e só descobrindo que a causa que o tratamento pode ser feito corretamente. Mas é possível prevenir a halitose com alimentação correta, por exemplo, alimentos ácidos, como de catchup, mostarda, picles, alho, cebola, podem provocar queda do PH e, consequentemente, aumentar a acidez da boca, piorando o mau hálito. Outros alimentos, porém, ajudam a manter a boca sempre fresquinha, como é o caso da maçã, cenoura, pepino e aipo, crus ou com casca, pois realizam uma espécie de raspagem dos dentes, impedindo o acúmulo de bactérias. O limão também é um ótimo aliado devido ao seu poder adstringente e bactericida, assim como o gengibre, folhas de hortelã, iogurte natural sem açúcar.

Preste atenção nessa dica importante: escovar sempre a língua após as refeições! Além de escovar os dentes, não podemos esquecer o fio dental, responsável por tirar todo o excesso de comida que fica entre os dentes evitando o mau cheiro.

Compartilhar em